Cirandeiras/os apresentam oficinas e debatem PNEP

        Nesta manhã (22), os e as cirandeiras/os da Rede de Educação Cidadã inicia suas atividades com as apresentações das oficinas que ocorreram na tarde de ontem (20), no Albergue da Juventude em Brasília, onde ocorre a Ciranda de Formação em Educação Popular. Quatro temas centrais foram trabalhados: Comunicação Popular, Teatro do Oprimido, Hip Hop e Manutenção do Site.

     As oficinas envolveram o tema central desta quarta etapa da Ciranda – “Comunicação e Cultura Popular”, e trouxeram técnicas específicas de cada área na ideia de qualificar o trabalho de base, como um instrumento político pedagógico:

– O Hip Hop retratou uma imagem coletiva do grupo por meio do estêncil, um dos elementos do Hip Hop;

– Teatro do Oprimido trabalhou os 4 elementos do Teatro Jornal, técnica desenvolvida por Augusto Boal.Fizeram uma crítica há uma matéria que trazia informações sobre a Copa do Mundo;

– A oficina de “manutenção do site” sobre a reformulação e as novas etapas de navegação, um dos destaques é o mapa georeferenciamento no qual se permite identificar as organizações envolvidas na com a Recid;

– Comunicação popular trouxe um cordel jornal numa reflexão crítica sobre as possibilidade de uma comunicação libertadora.

 Política Nacional de Educação Popular

         Desde 2007 a Recid retomou o debate sobre a Política Nacional de Educação Popular (PNEP), articulada com outras organizações que trabalham com Educação Popular, com o intuito de fortalecer a discussão e garantir a institucionalidade acerca da PNEP. Percebeu-se durante este período a necessidade de relacionar o MEC ao debate, entretanto, há uma contrariedade com a política hegemônica do MEC, neste diálogo o principal questionamento gira em torno da educação queremos.

        No exercício da manhã, os e as cirandeiras/os levantaram por meio de uma dinâmica quais são as expectativas e receios sobre a PNEP. Os principais receios sinalizados são em se institucionalizando a PNEP, não se perder os princípios da Educação Popular. Assim sendo umas das principais expectativas é em qualificar a educação no país.

 NB Irmã Dorothy

Debate da plenária

Debate da plenária

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 7 =